Rasecenemys

Blog Rasecenemys 2 WordPress.com

Arquivo para o mês “dezembro, 2014”

Os números de 2014

Os duendes de estatísticas do WordPress.com prepararam um relatório para o ano de 2014 deste blog.

Aqui está um resumo:

Um comboio do metrô de Nova Iorque transporta 1.200 pessoas. Este blog foi visitado cerca de 4.700 vezes em 2014. Se fosse um comboio, eram precisas 4 viagens para que toda gente o visitasse.

Clique aqui para ver o relatório completo

Anúncios

2015

2014-10-27-trends2015

Para pensar

“Não há nada impossível; há só vontades mais ou menos enérgicas.”

“Podemos violar as leis humanas, mas não as da natureza.”

“Quando se trata de destruir, todas as ambições se aliam facilmente.”

“Deus ter-nos-ia posto água nas veias, em vez de sangue, se nos quisesse sempre imperturbáveis.”

“Nunca se fez nada grande sem uma esperança exagerada.”

Chocolate pode acabar a partir de 2020

Crise começou em 2012, quando o preço do cacau subiu 60%.
O oeste da África, que abastece a indústria do chocolate, tem sofrido muito com a seca nos últimos anos. Para piorar, houve uma praga que destruiu 40% das plantações.
Sem dinheiro, muitos fazendeiros, em vez de insistirem no cacau, decidiram apostar em outros produtos, como o milho.
Mas a escassez não é o único motivo. As pessoas estão comendo muito mais chocolate do que a indústria consegue produzir. Na China e no Brasil, particularmente, o consumo tem aumentado demais a cada ano.
Um terceiro motivo é ligado ao paladar. A demanda por chocolate amargo também está em alta. Enquanto uma barra de chocolate ao leite tem 10% de cacau, o chocolate amargo tem 70%.
A crise com o chocolate começou em 2012, quando o preço do cacau subiu 60%. Nesta semana, dois grandes fabricantes alertaram que vai faltar chocolate em 2020, se não houver nenhuma grande mudança ou revolução.
Na Costa do Marfim e em Gana, responsáveis por 70% da produção mundial de cacau, o clima seco tem reduzido muito a produção. E fungos que também gostam do fruto não têm contribuído muito para reverter essa situação: a Organização Internacional do Cacau estima que pragas tenham eliminado de 30% a 40% da produção global de cacau.
Assim, muitos agricultores passaram a apostar em gêneros considerados mais rentáveis, como o milho. Os preços já começaram a subir, e o jornal aponta que a aposta, agora, está na substituição de ingredientes: com menos cacau, a gordura vegetal, por exemplo, deve estar mais presente. O desafio, segundo as fabricantes, está em manter o sabor e atender à demanda frente à disponibilidade cada vez menor dessa matéria-prima.

Nada como o tempo

NADA COMO O TEMPO

Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com uma outra pessoa, você precisa, em primeiro lugar, não precisar dela.

Percebe também que aquele alguém que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente não é o “alguém” da sua vida.

Você aprende a gostar de você, a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você.

O segredo é não correr atrás das borboletas… é cuidar do jardim para que elas venham até você.

No final das contas, você vai achar não quem você estava procurando, mas quem estava procurando por você!

Amor II

A inteligência sem amor, te faz perverso
A justiça sem amor, te faz implacável
A diplomacia sem amor, te faz hipócrita
O êxito sem amor, te faz arrogante
A riqueza sem amor, te faz avaro
A docilidade sem amor te faz servil
A pobreza sem amor, te faz orgulhoso
A beleza sem amor, te faz ridículo
A autoridade sem amor, te faz tirano
O trabalho sem amor, te faz escravo
A simplicidade sem amor, te deprecia
A oração sem amor, te faz introvertido
A lei sem amor, te escraviza
A política sem amor, te deixa egoísta
A fé sem amor te deixa fanático
A cruz sem amor se converte em tortura
A vida sem amor…não tem sentido

Amor

tumblr_static_tumblr_static_3e8ocq3x1oiscoc4sgs8wwksw_1280

Mar

poesia-mar-2

Estresse é fator de risco para a síndrome do coração partido

A síndrome do coração partido, cardiomiopatia induzida por estresse ou a cardiomiopatia de Takotsubo (Tako-tsubô são armadilhas de polvo que se assemelham a forma de um coração ferido) é uma condição que pode atacar até mesmo pessoas saudáveis.
A síndrome do coração partido, apesar do nome, não é a doença típica dos amantes frustrados. Apesar de ser uma condição rara (a literatura médica mundial registra cerca de 200 casos), ela atinge principalmente mulheres – cerca de 80% dos casos -, em geral que já tenham passado pela menopausa, com histórico de forte estresse físico ou emocional.

Os sintomas são iguais aos de infarto do miocárdio – o paciente sente uma dor no peito que pode gerar suores frios, náuseas, vômitos e vertigens. A dor pode se irradiar para a mandíbula e para as costas, além dos ombros e braços, geralmente o esquerdo.

No Japão, onde a doença foi descoberta nos anos 90, a síndrome foi denominada de Takotsubo, o nome de um instrumento de pesca de polvos, tendo em vista o formato achatado que a base do o coração do doente adquire, como se tivesse sido apertada. “Os médicos atendem os pacientes com os sintomas pensando ser um caso de infarto, porém o diagnóstico é descartado com o exame de cateterismo cardíaco, quando o resultado mostra que as artérias não se apresentam obstruídas”, explica o cardiologista Marco Antonio Mattos, do Instituto Nacional de Cardiologia.

Esta síndrome é de ocorrência muito rara, e acomete principalmente as mulheres de meia idade. Tanto pelo grupo de pessoas mais acometidas, como pelo seu nome, poderia haver a sugestão de que se trate de um envolvimento mais relacionado a coisas emocionais do que a uma doença orgânica do coração.
A doença foi pela primeira vez relatada no Japão; atualmente, já existem relatos de casos semelhantes nos Estados Unidos e mesmo no Brasil. De momento, o total de casos relatados na literatura médica não passa de 200. Provavelmente, existem mais casos de pessoas acometidas, mas que não foram diagnosticados por ser uma síndrome desconhecida.

Senhor

Sofonias_3-17

Navegação de Posts