Rasecenemys

Blog Rasecenemys 2 WordPress.com

Qual o melhor AMD ou Intel


Se você tem se aventurado por lojas de eletrônicos em busca de um novo desktop ou notebook, deve ter reparado que a grande maioria dos modelos à venda usam processadores da Intel ou da AMD. O primeiro é certamente mais famoso, mas não é raro encontrar o segundo no mercado.

Mas, afinal de contas, qual a diferença entre Intel e AMD? É verdade que um é simplesmente melhor que o outro? Mas e quanto ao preço, qual tem o melhor custo-benefício? Leia os parágrafos abaixo para entender, de uma vez, tudo o que você precisa saber sobre os processadores de cada marca.

A Intel é certamente a marca de processadores mais popular do mundo. Levantamentos mais recentes indicam que a empresa é responsável pela receita de mais de 80% do mercado mundial de CPUs, enquanto a AMD fica em um distante segundo lugar. Qual é o motivo para esse sucesso, afinal?

Em geral, é fácil argumentar que os processadores da Intel possuem melhor performance em alguns aspectos primordiais. Ainda que os chipsets da AMD possuam mais núcleos de processamento, os núcleos dos chipsets da Intel são mais rápidos e eficientes individualmente. Isso, porém, não é uma regra inflexível: há processadores da AMD com performance melhor que os da Intel, mas não são muitos.

Prova disso são testes de benchmark, como os do CPUBoss. Um Intel Core i7-6700K vence com facilidade um equivalente da AMD, o FX-9590. Em termos de especificações, essa constatação não é nada óbvia. O chipset da Intel é um quad-core de 4 GHz, enquanto o da AMD é um octa-core de 4.7 GHz. Ainda assim, a performance do primeiro é superior.

Isso se deve principalmente aos anos de investimentos da Intel em pesquisa e desenvolvimento na arquitetura de seus chips. Os processadores da Intel também costumam ser mais “flexíveis” em termos de compatibilidade com diferentes modelos de placa-mãe, o que facilita o lado das fabricantes de PC – e também o dos entusiastas querendo montar suas próprias máquinas.

O lado negativo é que, invariavelmente, a maioria dos processadores da Intel de mais alto desempenho são também mais caros do que os da AMD com especificações semelhantes. Numa rápida pesquisa pelo varejo brasileiro, é possível encontrar chips da Intel custando de R$ 300 até quase R$ 10 mil. Já os da AMD podem ser comprados por quem tiver entre R$ 130 e R$ 2.000 para gastar.

Como já comentamos, muitos dos processadores da AMD são mais baratos do que os da Intel, o que garante uma vantagem à empresa nesse sentido. É importante lembrar que “mais barato” não significa, necessariamente e nem em todos os casos, que o processador tem desempenho ruim. Pode não ser tão bom quanto um rival, mas certamente não deve ser ruim.

Se você comparar apenas os preços, verá que um AMD Athlon X4, que pode ser encontrado custando em torno de R$ 300, tem uma performance geral melhor que um Intel Pentium da mesma faixa de preço. Se você quer economizar no processador, os modelos da AMD costumam valer mais a pena no quesito custo-benefício.

Outro ponto em que a AMD geralmente leva a melhor é na placa de vídeo integrada de seus produtos. Por exemplo, um AMD A10 7870K, que custa cerca de R$ 700, tem uma performance gráfica bem superior à de um i5-6400 que custa quase o mesmo. Ou seja, em jogos mais básicos, os processadores da AMD também são mais vantajosos.

O lado ruim dos produtos da AMD – e também uma das principais críticas dos usuários à empresa – tem a ver com sua eficiência energética. Os processadores da marca consomem, em média, mais energia que os concorrentes, além de ficarem mais quentes com maior frequência. Muito disso se deve ao número superior de núcleos, que torna mais complicada a dissipação de calor.

Um PC com um processador AMD de alto nível, portanto, acaba exigindo um sistema de refrigeração melhor – o que pode tornar o pacote final um pouco mais caro do que se você tivesse comprado um processador Intel. Sendo assim, é razoável concluir que a AMD tem boas opções para quem quer economizar, mas não sem algumas desvantagens.

É possível dizer que um é melhor que o outro? A resposta mais curta seria: não. Intel e AMD têm vantagens e desvantagens, mas no fim do dia tudo depende do que você, enquanto consumidor, mais valoriza no momento da compra de um computador ou de um processador para montar ou atualizar seu próprio PC.

A Intel faz muitos processadores que são mais rápidos e eficientes, pelo menos na maioria das categorias de preço; enquanto a AMD tem processadores com melhores GPUs integradas e por um custo-benefício mais vantajoso, pelo menos entre os modelos mais baratos. Vale a pena comparar chipsets de valor semelhante das duas marcas antes de comprar.

Outros detalhes que não entraram neste artigo, como possibilidade de overclock e compatibilidade com placas-mãe, também podem ajudar a desequilibrar a disputa. No fim das contas, um processador não faz nada sozinho: um bom PC também precisa de diversos outros componentes de hardware para exibir uma boa performance.

O importante é que você evite apostar todas as suas fichas na marca mais famosa, porque isso nem sempre é indicativo de qualidade. Ambas, Intel e AMD, têm produtos capazes de atender aos diferentes perfis de consumidores. Basta, primeiro, decidir qual é o seu.

Anúncios

Navegação de Post Único

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: